Plinio Dentzien PLINIO DENTZIEN

SciELO - Scientific Electronic Library Online

 
vol.1 special edition author indexsubject indexarticles search
Home Pagealphabetic serial listing  

Revista Brasileira de Ciências Sociais

Print version ISSN 0102-6909

Abstract

RODRIGUES, Leôncio Martins. Partidos, ideologia e composição social.Translated byPlinio Dentzien. Rev. bras. Ci. Soc. [online]. 2005, vol.1Selected edition, pp. 0-0. ISSN 0102-6909.

O artigo analisa as relações entre as orientações ideológicas dos seis principais partidos brasileiros e a composição socioocupacional de suas bancadas. Foram selecionados dois partidos de direita, dois de centro e dois de esquerda, definidos segundo a conceituação usual desses conceitos: PPB, PFL, PMDB, PSDB, PDT e PT, respectivamente. A relação entre a composição social e a orientação ideológica dos partidos foi pesquisada por meio do levantamento do perfil das bancadas partidárias na 51a. Legislatura da Câmara dos Deputados, eleita em 1998. A análise mostrou forte diferenciação na composição sociocupacional e na dimensão do patrimônio das respectivas bancadas, com os partidos considerados de direita recrutando seus parlamentares principalmente entre os segmentos empresariais e os altos escalões da administração pública e, os partidos de esquerda, entre as profissões liberais, intelectuais, professores, empregados não manuais e trabalhadores manuais (geralmente ex-sindicalistas). Nos partidos considerados de centro, a presença de empresários é importante mas minoritária no interior das bancadas enquanto inexistem parlamentares originados das classes populares. O artigo mostra, por outro lado, que a classe política brasileira presente na atual legislatura vem, na sua quase totalidade, de quatro segmentos ocupacionais: empresários, profisionais liberais, professores e ex-funcionários públicos.

Keywords : Partidos; Ideologia; Deputados; Classe política; Direita-centro-esquerda.

        · abstract in English | French     · text in English     · pdf in English